Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Experimentámos!

E vamos dar a nossa opinião.

Experimentámos!

E vamos dar a nossa opinião.

London Calling...

Londres é uma cidade fantástica!
Já lá fui mais de 30 vezes e não me canso. Percorro incessantemente aquelas ruas e mercados e há sempre algo diferente, inédito, curioso, aromático, sui generis e acima de tudo, muito civilizado.

Londres é especial pelas suas diferenças e pela forma como essas diferenças se difundem. É completamente cosmopolita, inter-racial, inter-cultural, inter-colorido e inter-social! Não sei se estes termos existem mas parecem-me aplicáveis...!

Estive em Londres mais uma vez este fim-de-semana grande de 5 de Outubro.
Fiquei alojada na zona de Bayswater que pela sua localização me parece fantástica. Fica junto da District Line, da Circle Line e da Central Line do metro londrino. Tudo bom! Num instantinho nos pomos no meio da loucura de compras da Regent Street, no arco-íris alucinante de Picadilly Circus ou na misteriosa Chinatown.

Sábado é dia de visitar Camden Town com os seus eclécticos mercados que incluem desde novos estilistas a comida tailandesa, de lojas fetichistas à irresistível e psicadélica CyberDog com a música sempre altíssima e empregados muito cool.

Para tomar o “chá das cinco” aconselho fortemente a Orangery que embora seja uma pipa de massa, vale a pena como experiência de vida. Fica nos jardins do Palácio de Kensington e para além do local lindíssimo, os cheese scones são de nos atirarmos para o chão e a strawberry tart é absolutamente capaz de converter católicos ao islamismo! A não perder... convém saber que paguei 32 libras inteirinhas por um lanche (cerca de 45 euros), mas olhem, um dia não são dias!

O full english breakfast, apesar da azia que provoca, é uma experiência a ter em conta. Embora os nossos estômagos mediterrânicos não estejam muito habituados a salsichas fritas e feijão guisado logo pela manhã, actualmente já é servido ao longo do dia. Por isso, podemos experimentar o típico pequeno-almoço britânico à hora do almoço quando já temos mais capacidade de encaixe para tais sabores. Fish and chips numa roulotte, embrulhados em papel pardo, bate todos os recordes de gordura. Comi uma vez e chegou-me...

Teria muito mais para falar de Londres, mas não temos tempo. Vão ficando com este cheirinho, que da próxima vez entraremos pelas salas de espectáculos, em alguns estúdios e galerias, e no fabuloso restaurante do não menos fabuloso Jamie Oliver.

See you next time, darlings… Bye!

4 comentários

  • Imagem de perfil

    TNT 11.10.2007

    E há muito mais para ver!
    Mas o lanche em Kensington é imperdível, bem como, uma ida à torre de babel que é Camden...
  • Sem imagem de perfil

    Anikin 12.10.2007

    Torre de Babel é uma expressão muito bem aplicada a Camdem.

    E eu que até tenho um amigo que mora naquela zona...
    (Americano de origem russa casado com uma inglesa...)

    O mais parecido que tive do lanche em Kensington (pelo menos em preço) deve ter sido um lanche num bar que havia (há?) no topo do Harvey Nichols (loje de departamentos de esquina perto do Harrods).

    ...foi há uns anos e eu juraria que o chefe de mesa era o ex-vocalista dos Heróis do Mar.
  • Imagem de perfil

    TNT 12.10.2007

    É possível é...!
    O Harvey Nichols... pois, gosto muito!
    Caríssimo mas muito bom!
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.